A Prefeitura de Sobral, por meio da Coordenadoria Municipal de Trânsito (CMT) da Secretaria da Segurança e Cidadania (Sesec), está revitalizando a sinalização horizontal das ruas do Parque da Cidade e Avenida do Contorno, além de realizar ações específicas nos demais bairros e distritos do município, como no Residencial Nova Caiçara. O trabalho faz parte do serviço constante de manutenção e revitalização realizado pela CMT.

De acordo com o gerente de Sinalização, Francinet Maia, as ações são planejadas para que haja o menor impacto no cotidiano do condutor. O objetivo do serviço, segundo ele, é “garantir uma visualização que auxilie os condutores, pedestres e ciclistas em uma correta conduta quanto ao Código de Trânsito Brasileiro [CTB], garantindo assim segurança, ordenamento e melhor fluidez”.

Francinet destaca que, desde dezembro, os serviços têm acontecido com maior rapidez, graças ao investimento em melhorias realizado pela Sesec, que possibilitou a aquisição do equipamento de demarcação viária ITH -2/100. “Além de otimizar o serviço de sinalização, também propicia maior celeridade e qualidade no serviço oferecido à população. Não é vantajoso apenas na execução do serviço, como também é mais seguro e cômodo para o operador”, explicou.

 

 

 

Com a chegada das férias escolares, a equipe de Educação no Trânsito, da Coordenadoria Municipal de Trânsito (CMT), intensifica as abordagens voltadas à segurança no trânsito no período. O objetivo da campanha é conscientizar motoristas, passageiros, pedestres e ciclistas, quanto aos perigos que o trânsito pode oferecer no período das férias.

Segundo a gerente de Educação para o Trânsito da CMT, Erika Arruda, durante as férias aumenta o número de crianças nas vias públicas e também o número de veículos nas estradas. “É importante intensificar essas ações já que o número de veículos aumenta nesse período e, por isso, é preciso organizar e garantir que as pessoas possam transitar com tranquilidade e segurança, garantindo que esse período seja de diversão e descanso”, destacou Erika.

As praças são um dos locais em que as abordagens são reforçadas, devido ao grande número delas e ao intenso uso que as famílias fazem do equipamento. Além da atenção redobrada na hora da condução, Erika ressalta o uso dos equipamentos de segurança. “É preciso se conscientizar que o uso de equipamentos obrigatórios como capacete, cinto de segurança, bebê conforto para bebês de 0 a 1 ano,  cadeirinhas para crianças de 1 a 4 anos e de assentos de elevação para crianças de 4 a 7 anos, salvam vidas”.

Durante o período de aulas, são realizadas palestras em escolas, para se trabalhar o tema diretamente com as crianças. Durante o período de férias, o trabalho é feito com abordagens junto ao condutores e usuários. “É importante frisar que as atividades de Educação no Trânsito em Sobral são constantes. Realizamos abordagens, blitz educativa com panfletagem e conversas, e palestras em escolas, empresas e órgãos públicos”, finalizou a gerente.

Visando o melhor ordenamento nas vias municipais, a Coordenadoria Municipal de Trânsito (CMT) realizou, em 2018, uma ampla agenda de ações na Sinalização e Educação no Trânsito. No decorrer do ano, foram revitalizados e implantados aproximadamente 30 mil metros quadrados de sinalização horizontal, como faixas de pedestre, canteiros centrais, avisos de PARE e entorno de praças e esquinas. Além disso, foram implantadas 792 placas de sinalização vertical. 

Na parte educativa, foram realizadas mais de 21 mil abordagens com o intuito de orientar e conscientizar o condutor. Segundo a gerente de Educação no Trânsito, Erika Araújo, tais abordagens se fazem necessárias devido ao alto número de condutores de outros municípios que Sobral recebe diariamente. “Muitas das abordagens educativas realizadas são feitas com condutores de outros municípios, por isso é importante que estejamos sempre conversando e orientado os mesmos, principalmente sobre questões de estacionamento e paradas”. Foram realizadas também 110 visitas e 100 palestras a escolas e instituições públicas e privadas, abordando temas diversos. 

O coordenador da CMT, Julif Guedes, destaca que este foi um ano de muitas modificações. “Não apenas na questão de revitalizações, implantações e manutenções, mas também de mudanças de sentidos de via, mudanças de acessos e uma ampla agenda de ações educativas, tudo pensado para o melhor ordenamento e fluidez do trânsito”, disse. “A equipe da CMT trabalha diuturnamente, seja em fiscalização, manutenção, educação ou implantação, observando sempre os resultados das intervenções e, com isso, aprimorando estudos e futuras atividades. Esse é um trabalho permanente e integrado de toda a equipe”, encerrou.

Na manhã desta sexta-feira (11/01), a Guarda Civil Municipal de Sobral ganha novo comando. A Inspetora Simone Oliveira Machado, atualmente gerente operacional, assume o posto. Pertencente à primeira turma da GCMS, Simone é a primeira mulher a assumir o comando da instituição em seus 22 anos de fundação, além de ser a primeira mulher a assumir a função em todo o Estado.

Formada em Serviço Social e cursando especialização em Segurança Pública, a nova comandante possui mais de 50 capacitações e cursos, dentre eles: Controle de Distúrbio Civil, Ronda Ostensiva Municipal, Patrulhamento Urbano, Mediação de Conflitos, Justiça Restaurativa, Direitos Humanos e Polícia Comunitária. A Inspetora já atuou na Ronda Escolar, como comandante do motopatrulhamento, comandante de eventos, comandante da Ronda Ostensiva Municipal e como gerente operacional, além de atuações diversas em ações da defesa civil e trânsito.

De acordo com Simone, sua gestão será voltada para a atuação e integração direta com a comunidade. “Buscaremos fortalecer os laços da GCMS com a sociedade como um todo, aproximando ainda mais a Guarda dos cidadãos. Com isso, gostaria de deixar aqui um número de contato direto comigo, 9 8802 5009, para que não só as instituições, como a população possa ter acesso ao comando da Guarda”, disse.

Dentre as diversas atividades oferecidas para a comunidade pela Prefeitura de Sobral, o projeto “Ocupa Sesec”, desenvolvido pela Secretaria da Segurança e Cidadania, encerrou 2018 com uma média de 500 pessoas inscritas em suas ações. Com faixa etária de 6 a 60 anos, os participantes contam com acompanhamento profissional, com o objetivo de prevenir, através do esporte, lazer e interação social, situações negativas.

A modalidade mais procurada, de acordo com coordenador do Ocupa Sesec, Rosaldo Freire, é o futebol, que acontece aos sábados e domingos, em parceria com a Escolinha Juventude do Bairro Sinhá Sabóia, que atende até 250 crianças e adolescentes. Além do futebol, são oferecidas ainda aulas de capoeira, ritmos, ginástica e karatê, todas gratuitas e desenvolvidas em parceria com associações e comunidade. Para Rosaldo “o esporte desperta um sentimento de equipe, interação e parceria, despertando principalmente nos jovens as competências que lhes permitirão resolver os conflitos de maneira pacífica. Hoje, a Secretaria da Segurança e Cidadania está inserida na comunidade que compreende os bairros Sinhá Sabóia e Cohab I e II, então, buscamos fortalecer e ampliar vínculos com a comunidade”, disse.

Os interessados em participar das atividades, devem procurar Rosaldo Freire na sede da secretaria. “Equipes, escolinhas, associações e outros grupos que quiserem e precisarem usar o espaço da Sesec podem se dirigir à sede para informações quanto aos horários disponíveis, equipamentos e termos de conduta”, finaliza Rosaldo.